Digifort

Vendido em mais de 120 países. Traduzido para 18 idiomas. Integração com mais de 245 marcas parceiras

digifort
digifort1

GERENCIAMENTO DE VÍDEO

Plataforma completa de gestão de vídeo IP com avançado gerenciamento de alarmes, eventos, ocorrências e automação de ambientes através de um sistema único, confiável, intuitivo e de fácil configuração e operação.

LEITURA DE PLACAS AUTOMOTIVAS

Solução para leitura automática de placas automotivas totalmente integrada ao sistema de gerenciamento de vídeo, fornecendo automação, alarmes e ações pré-configuradas além de relatórios, gráficos estatísticos e integração com sistemas terceiros.

digifort2

DIGIFORT INSIGHT

Captura, controle remoto e gravação de telas de computadores Windows. Ideal para Call Center, caixas de supermercados, balanças portuárias, pedágios e controle remoto de sistemas.

ANÁLISE AVANÇADA DE VÍDEO

Inteligência aplicada no vídeomonitoramento, fornecendo ações pró-ativas para situações comportamentais programadas com geração de alarmes e eventos automáticos além de valiosas informações estatísticas para aplicação em business intelligence.

digifort3

MONITORAMENTO MÓVEL

Transforma a câmera do seu smartphone ou tablet (Android / IOs) em uma câmera móvel integrada nativamente ao sistema de gerenciamento de vídeo, permitindo transmissões em tempo real das imagens diretamente para a central de monitoramento.

ANÁLISE FORENSE

Solução altamente tecnológica e inovadora para revisão de horas de vídeos gravados em apenas alguns minutos fornecendo um resumo de todos os eventos que ocorreram no vídeo, permitindo encontrar rapidamente um evento desejado através de filtros de cor, tamanho de objeto, velocidade, direção e outros.

O vírus Corona já está em mutação desde a sua descoberta em 1960 e somente em 2020 ele sofreu pelo menos duas mutações conhecidas. Segundo especialistas, é possível que sejamos forçados a conviver com o Corona como convivemos com as gripes. A esperança de eliminar o vírus começa com uma vacina, mas não representa o fim do caminho, pois ela só será efetiva para as versões conhecidas dele.

Ambientes de uso coletivo e fechados são reconhecidamente os locais ideais para disseminação de vírus pelo ar ou pelo toque. Ou seja, quase todos os prédios e estabelecimento comerciais não estão preparados para este futuro.

Então…, o que fazer?